Estado de Goiás

Perguntas Frequentes  

1) Qual o objetivo da Coordenação de Projetos e Publicações?

A Coordenação de Projetos e Publicações tem como objetivo promover e divulgar os estudos e as pesquisas realizadas na Universidade a partir da publicação de revistas científicas, anais de eventos científicos e livros. Importante frisar que a publicação de livros pode ocorrer via edital ou a partir de projetos estabelecidos pela PRP.

 

2) Quais assessorias fazem parte da Coordenação de Projetos e Publicações?

Assessoria Acadêmica, Assessoria de Editoração e Assessoria de Diagramação.

 

3) Onde a Coordenação de Projetos e Publicações está localizada?

A Coordenação de Projetos e Publicações está instalada na Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da UEG, localizada na Rodovia BR-153, n. 3105, Fazenda Barreiro do Meio, Zona Rural, Bloco 03, 1º andar, Caixa Postal 459 - CEP: 75132-400, Anápolis – Goiás.

 

4) Como podemos entrar em contato com a Coordenação de Projetos e Publicações?

O contato pode ser feito por meio do e-mail: revista.prp@ueg.br ou pelo telefone: (62) 3328-1181. O interessado também pode comparecer pessoalmente na Coordenação que está instalada na Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da UEG.

 

5) Quem pode solicitar a criação das revistas eletrônicas científicas da UEG?

As revistas eletrônicas científicas da UEG podem ser solicitadas pelos professores da Instituição vinculados ou não a programas de pós-graduação ou pelos setores que trabalham diretamente com produções científicas e queiram ter seus trabalhos divulgados em uma revista científica.

 

6) Qual o critério para aprovação de uma revista eletrônica?

Recomendamos que a revista não sobreponha temáticas já existentes e que aborde temas academicamente relevantes.

 

7) Quais os itens que devem constar na proposta/projeto de revista eletrônica encaminhada para a Coordenação de Projetos e Publicações?

Os principais itens que devem constar na proposta/projeto são: o nome da revista (que procure não ser repetido), sigla da revista, o nome do coordenador, carga horária semanal do coordenador, apresentação da revista (objetivo, público-alvo, histórico da revista, tipos de documentos aceitos para publicação na revista: artigos, resenhas, resumos de teses e dissertações), estrutura organizacional da revista (comitê editorial, coordenador editorial, conselheiros do comitê editorial, conselho científico), composição da revista (nomes, instituição), normas para publicação (condições para submissão dos artigos), normas para avaliação dos artigos recebidos, diretrizes para avaliação dos artigos, periodicidade da revista, template do modelo de submissão de artigos, capa da primeira edição, contato do coordenador e do suporte técnico.

 

8) Uma vez aprovado a proposta/projeto de revista eletrônica quais os próximos passos que deverão ser seguidos pelo coordenador da revista?

O coordenador da revista deverá agendar um horário com a Coordenação de Projetos e Publicações para realizar um treinamento do sistema OJS – Open Journal System utilizado para publicação de revistas eletrônicas. Para o treinamento é recomendado que o coordenador da revista esteja acompanhado de uma pessoa para dar um suporte técnico para ela,

 

9) Qual a meta da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação para as publicações científicas da UEG?

A meta é obter a Qualificação das publicações eletrônicas da UEG e inserção dessas publicações em indexadores relevantes das respectivas áreas.

 

10) O que é ISSN?

A Rede ISSN (ISSN Network) é uma organização intergovernamental representada por 83 centros nacionais e regionais, em todo o mundo. Com o apoio da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), a Rede foi criada em 1971 e implantada três anos mais tarde para apoiar o controle bibliográfico mundial de publicações seriadas, por meio de um código único, o ISSN (International Standard Serial Number). Atualmente, a ISSN Network é coordenada pelo Centro Internacional do ISSN, com sede em Paris, e já possui, em todo o mundo, mais de um milhão de títulos de publicações seriadas identificadas com esse código. Constitui a mais completa e abrangente fonte de informação sobre publicações seriadas.

 

11) Como obter o ISSN das revistas eletrônicas?

A solicitação do ISSN será feita mediante a publicação da primeira edição da revista e deverá constar o sumário dos artigos, conselho editorial e a página de abertura da revista. Não é possível adquirir o ISSN sem esses itens. Detalhes para solicitação do ISSN podem ser obtidos no Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (IBICT) no link: http://www.ibict.br/informacao-para-ciencia-tecnologia-e-inovacao%20/centro-brasileiro-do-issn/uso-do-issn

 

12) O que é OJS/SEER?

O Open Journal Systems é um software desenvolvido pela Universidade British Columbia. No Brasil foi traduzido e customizado pelo Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (IBICT) e recebe o nome de Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas (SEER). Trata-se de um software desenvolvido para a construção e gestão de publicações periódicas eletrônicas.

 

13) O que quer dizer avaliação por pares cega?

O sistema de avaliação de produção científica é um processo pelo qual toda a literatura científica passa antes de ser publicada. Para que um artigo científico seja publicado este passa por todo um procedimento de avaliação criteriosa, rigorosa e paramétrica assinada por revisores preparados, éticos, críticos e confiáveis. Dá-se o nome de avaliação por pares cega quando os avaliadores não têm informações sobre os autores dos artigos e nem os autores são informados sobre quem participou da avaliação de seus trabalhos. Fonte: http://seer.ibict.br/index.php?option=com_content&task=view&id=279&Itemid=74.

 

14) Qual é a atribuição do Editor de Revista?

Definir a linha editorial da revista, estabelecer suas regras de publicação, realizar os contatos com os membros que formarão a equipe da revista, escrever e divulgar os editais de chamada de artigos, distribuir os textos entre os avaliadores e promover sua publicação.

 

15) Qual é a atribuição da Assessoria de Editoração?

Oferecer assessoria aos editores de revistas eletrônicas na utilização da plataforma SEER/OJS; criar a revista na plataforma e realizar treinamento com os usuários do sistema. Manter o sistema SEER/OJS funcionando.

 

16) Qual é a atribuição da Assessoria de Acadêmica?

Acompanhar o processo de diagramação dos livros, solicitar os números de ISBN e ISSN, solicitar ficha catalográfica para o SIBRE (Sistema Integrado de Bibliotecas Regionais), acompanhar processos da coordenação, fazer contato com a gráfica da UEG e gráficas terceirizadas para realizar orçamentos ou acompanhar as impressões de livros e materiais organizados pela Coordenação.

 

17) Qual é a atribuição da Assessoria de Diagramação?

Realizar a preparação técnica do artigo para publicação, tanto no contexto de adequação as regras da ABNT quanto em sua formatação dentro do sistema da revista.

 

18) Qual é a atribuição da Assessoria de Tradução e Revisão?

Realizar traduções e/ou revisões de artigos científicos dos programas de Pós-Graduação Stricto Sensu para publicações internacionais.

 

19) O que é preciso fazer para publicar os Anais de eventos científicos?

Os Câmpus que tiverem interesse em publicar os Anais de Eventos no portal (www.anais.ueg.br), devem entrar em contato com a Coordenação de Projetos e Publicações pelo e-mail revista.prp@ueg.br para agendar um treinamento do sistema e encaminhar os seguintes dados: a) Nome do evento; b) Nome e e-mail dos usuários.

 

20) Quem pode solicitar a hospedagem dos Anais de eventos científicos?

Os professores/coordenadores dos eventos que tiverem interesse em publicar os Anais de Eventos no portal (www.anais.ueg.br).

 

21) O que precisa para solicitar o ISSN para os Anais de eventos?

Para solicitar o número do ISSN para os anais, o IBICT avalia os seguintes elementos: página principal (descrição sucinta do evento que deverá conter a missão, objetivos, público-alvo, periodicidade); capa do evento; o contato da equipe e do corpo editorial (comissão organizadora, comissão científica, comissão de apoio etc); normas de submissão de trabalhos e uma edição publicada.

 

22) Qual o formato e o tamanho da capa?

A imagem da capa deverá ter o formato jpeg, jpg ou png e a dimensão: largura: 440 x altura: 580 pixel.

 

23) Quais publicações podem receber o número do ISSN?

A atribuição do ISSN deverá atender os requisitos informados pelo Centro Brasileiro do ISSN (http://www.ibict.br/informacao-para-ciencia-tecnologia-e-inovacao%20/centro-brasileiro-do-issn/atribuicao-do-issn-1).

Ao solicitar o ISSN ao Centro Brasileiro do ISSN é importante observar:

  • Um ISSN é intransferível, ou seja, ele nunca pode ser utilizado por outro título, sendo exclusivo do título ao qual foi atribuído;

  • Qualquer mudança no título do periódico deve ser informada ao Centro Brasileiro do ISSN (CBISSN), que irá avaliar a necessidade ou não de atribuição de novo ISSN ao periódico;

  • Títulos editados em diferentes suportes físicos deverão ter seu próprio ISSN, ou seja, uma ISSN para cada formato;

  • Caso a publicação seja editada em diferentes idiomas, cada uma delas deverá ter seu próprio ISSN (excetuando-se as publicações multilíngues);

  • Para publicação online em diferentes idiomas, que utilizam a mesma URL, será atribuído um único ISSN.

  • O ISSN é atribuído também a Anais de Congressos, Seminários, Encontros etc., mas nunca é atribuído a páginas ou a outras peças promocionais de eventos mesmo que sejam eventos científicos. Neste caso, um único ISSN será atribuído a todas as edições desde que não haja alteração no título ou no tipo de suporte físico. Mudança na numeração do evento não é considerada alteração de título, não sendo necessária a atribuição de novo ISSN;

  • Folders, cartazes, hotsites e blogs de Anais de Congressos, Seminários e Encontros não recebem ISSN;

  • Quando uma publicação com o mesmo título é editada em diferentes formatos (meios físicos), cada uma deverá receber um numero de ISSN próprio – um novo ISSN. No entanto, o mesmo ISSN deverá ser utilizado para diferentes formatos de arquivo (ASCII, PostScript, Hipertexto, PDF) da mesma publicação online;

  • Publicação que traz em seu exemplar múltiplas formas físicas, como por exemplo: uma publicação impressa acompanhada de CD-ROM e/ou gravação de vídeo, um único ISSN será atribuído à publicação.


Não será atribuído ISSN:

  • Para Web sites comerciais, páginas pessoais na web, páginas da Web que contenham apenas links para outras URLs;

  • Para publicações em PDF, cujapágina (URL), seja disponibilizadacom a extensão PDF. Para folders, cartazes, hotsites e blogs.

 

24) O que é ISBN?

Criado em 1967 e oficializado como norma internacional em 1972, o ISBN - International Standard Book Number - é um sistema que identifica numericamente os livros segundo o título, o autor, o país e a editora, individualizando-os inclusive por edição.

O sistema é controlado pela Agência Internacional do ISBN, que orienta e delega poderes às agências nacionais. No Brasil, a Fundação Biblioteca Nacional representa a Agência Brasileira desde 1978, com a função de atribuir o número de identificação aos livros editados no país.

A partir de 1º de janeiro de 2007, o ISBN passou de dez para 13 dígitos, com a adoção do prefixo 978. O objetivo foi aumentar a capacidade do sistema, devido ao crescente número de publicações, com suas edições e formatos.

 

25) Quais publicações podem receber o número do ISBN?

A Agência Brasileira do ISBN é quem define as produções que recebem ou não o número do ISBN. Para saber quais materiais podem receber o número, acesse o link: http://www.editora.ueg.br/conteudo/2612_solicitacao_de_isbn

 

26) Como faço para publicar livro pela Editora UEG?

Para publicar livros pela Editora UEG o solicitante deverá seguir as seguintes recomendações:

1) Preencher o formulário de solicitação de publicação de livros que se encontra no link: Formulário para solicitação de publicação de livros (versão doc);

2) Anexar os documentos solicitados;

3) Protocolar os documentos no Protocolo Setorial da Universidade (Campus BR 153, Bloco 2) aos cuidados da Coordenação de Projetos e Publicações da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação.

 

27) Quais são as etapas para publicação de livros pela Editora UEG?

Após o recebimento do material encaminhado pelo autor/organizador, via protocolo, o material passa por seguintes etapas:

  1. O material é encaminhado a dois pareceristas para avaliação do conteúdo;

  2. Após recebimento por pareceristas, o material é encaminhado pelo Conselho Editorial;

  3. O material passa por revisão ortográfica e textual;

  4. O material é diagramado;

  5. O material passa por uma revisão novamente (quantas vezes forem necessárias), juntamente com os autores/organizadores;

  6. Após aprovação na revisão, solicita-se a boneca do livro antes de impressão;

  7. O material é liberado para impressão.

 

28) Os livros da UEG são comercializados?

Os livros que foram financiados pelos próprios autores/organizadores são comercializados, porém os livros que foram financiados pela UEG e agências de fomento não são comercializados. Eles são distribuídos para bibliotecas da UEG e doados para outras instituições.

 

29) O ISSN precisa ser pago? Qual o valor?

Sim. Para ter o ISSN, o solicitante precisa efetuar um pagamento no valor que está disponível no link: <http://www.ibict.br/informacao-para-ciencia-tecnologia-e-inovacao%20/centro-brasileiro-do-issn/taxas-administrativas>

 

30) O ISBN precisa ser pago? Qual o valor?

Sim. Para ter o ISBN, o solicitante precisa efetuar um pagamento no valor que está disponível no link: <http://www.isbn.bn.br/website/tabela-de-precos>

 

31) O que é e-Book?

O termo de origem inglesa, e-Book é uma abreviação para “electronic book”, ou livro eletrônico: trata-se de uma obra com o mesmo conteúdo da versão impressa, com a exceção de ser disponibilizado em uma mídia digital.

 

Última atualização: 09/11/2016.

 

BR 153 Quadra Área, Km 99, Anápolis-Goiás